Professores e alunos do curso de Educação Física da Univale encerraram as atividades do primeiro semestre de 2019 do projeto Escola de Esportes.

Na Escola de Futebol, o encerramento foi na quarta-feira (5), com um torneio interno. Já na Escola de Tênis, a finalização foi quinta-feira (6) e contou com um “aulão” para pais, responsáveis e alunos beneficiários.

De acordo com o professor Cleber Siman, a Escola de Futebol beneficia 50 crianças e adolescentes, e a de Tênis contempla 22 pessoas. As atividades são realizadas por alunos extensionistas do curso de Educação Física.

“O objetivo é contribuir com o desenvolvimento dos beneficiários do projeto por meio do desenvolvimento de habilidades específicas do futebol e tênis, bem como agregar valores à prática esportiva, numa perspectiva recreativa e educacional”, disse.

Segundo o docente, o projeto Escola de Esportes torna-se relevante à medida em que a atividade é um dos componentes do todo, onde se busca efetivamente utilizar ferramentas eficientes e eficazes no que se refere à cooperação da formação de cidadãos.

Conforme explica o professor, as atividades geram melhores práticas de vida em sociedade e conduzem a uma vida mais saudável, contribuindo para o desenvolvimento do indivíduo e da comunidade onde está inserido.

 

Aprendizado para os discentes

Para o estudante Petrick Ferreira Araújo,  as atividades com os alunos na Escola de Futebol permitem a ele ganho de autonomia, respeito e aprendizado.

“Além dos estudos em casa, tentando aperfeiçoar melhor os treinamentos, a cada dia aprendo mais na prática, o que deve ou não ser feito, como me comportar diante de algumas situações, conseguindo autonomia no ambiente e a participação de todos nas aulas,” relata.

Tiago Gomes, também graduando do curso de Educação Física, disse que os alunos estão evoluindo significativamente e que o projeto o motiva bastante.

“Tenho oportunidade de colocar em prática os conhecimentos adquiridos nas aulas teóricas do curso. É perceptível a evolução dos atletas, que estão buscando se destacar no aperfeiçoamento das atividades”, finaliza.