Egresso da Univale leciona na St. John’s University em Nova Iorque

Tiago Morais está fazendo doutorado em Biofísica e Eletrofisiologia

Histórias de sucesso são fonte de inspiração para milhares de estudantes no Brasil — e por aqui nós temos muitas. Hoje vamos contar a de Tiago Morais, que se graduou em Nutrição e mais tarde atuou como professor na Univale.

O egresso conta que sempre se interessou pela pesquisa científica, por isso, foi bolsista de iniciação científica no Laboratório de Imunologia da Univale por dois anos. Além disso, a universidade ofereceu a ele a oportunidade de ser monitor da turma de fisiologia humana durante um semestre. “Por isso sempre digo que na Univale tive a oportunidade de ser exposto a diversas experiências que foram fundamentais para a minha carreira”.

Tiago se formou na Univale em 2010 e obteve o título de especialista em Ciência do Desporto pela UFJF em 2012, atuando como nutricionista clínico em Governador Valadares até 2017. Em 2016, Enara Cristina, coordenadora do curso de Nutrição da Univale, o convidou para lecionar as disciplinas Bioquímica e Epidemiologia. Ele chegou a atuar como professor do curso até metade do primeiro período de 2017, porém, não pôde continuar porque estava finalizando seu mestrado em Nutrição Esportiva pela Universidad Europea del Atlántico, na Espanha.

Em 2019, Tiago mudou a área de atuação, deixando de vez a atuação clínica e retornando para a pesquisa científica com ênfase em bioquímica. Ele iniciou o mestrado em Bioquímica e Biologia Molecular, concluído em Janeiro de 2021. Antes disso, em agosto de 2020, ele foi convidado pela St. John’s University para preencher uma vaga de bolsista no programa de PhD. Assim que aceitou o convite, teve seu currículo analisado e foi convidado a lecionar na universidade.

Atualmente o egresso da Univale está desenvolvendo dois projetos de pesquisa em um laboratório de biofísica e eletrofisiologia. Um dos projetos, em que Tiago colabora na parte de bioinformática desenvolvendo modelos computacionais para determinar a possível ação de uma droga, será submetido a uma publicação no início de 2022.

A Universidade Vale do Rio Doce tem orgulho em investir no tripé “ensino, pesquisa e extensão”, pois possibilita que histórias como essa se tornem cada vez mais comuns entre seus egressos. Tiago mostra que é grato às portas que a universidade abriu para ele, e a Univale faz questão de compartilhar esse sucesso.

Venha fazer sua iniciação científica na Univale também. Clique aqui para saber mais.

Gostou? Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support