PortugueseSpanishEnglish
Matéria sobre autoexame e câncer de mama: imagem ilustrativa mostra mulher segurando o laço rosa, símbolo da campanha outubro rosa

Prevenção ao câncer de mama: autoexame ajuda, mas não substitui exames clínicos

04 outubro, 2022

Anualmente, a campanha do Outubro Rosa promove a conscientização para o controle do câncer de mama. Uma das medidas preventivas mais utilizadas é o autoexame, em que a mulher apalpa os próprios seios em busca de caroços ou outros sinais de tumores. 

O autoexame é a medida mais conhecida de detecção do câncer de mama — é o que mostra um levantamento realizado pelo Instituto Inteligência em Pesquisa e Consultoria (Ipec). Segundo a pesquisa, divulgada em 29 de setembro deste ano, 64% das mulheres acreditam que o procedimento é a principal forma de diagnóstico da doença.

A Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), no entanto, alerta que o autoexame ajuda a mulher a conhecer o próprio corpo, mas não substitui o exame clínico das mamas, em especial a mamografia, recomendada com periodicidade anual a partir dos 40 anos de idade.

Recomendações quanto a mamografia e autoexame

O ginecologista e professor do curso de Medicina da Univale, Arthur Andrade, confirma que o autoexame está em desuso. Mesmo nos casos em que a própria paciente descobre um nódulo, é mais provável que isso ocorra no banho ou ao trocar de roupa, explica o médico. “A SBM e o Ministério da Saúde não preconizam mais o autoexame para detectar o câncer de mama, como era antigamente. É uma forma da mulher conhecer o corpo, mas para detectar o câncer a gente recorre a exames complementares, como a mamografia e o ultrassom das mamas, e o exame clínico, feito por ginecologista ou mastologista”, afirmou.

Arthur recomenda que pacientes sem histórico de câncer de mama na família, a partir dos 40 anos, façam acompanhamento com médico ginecologista ou mastologista. Havendo histórico familiar, o professor da Univale avalia que o acompanhamento deve ser mais individualizado. “Hoje em dia a gente tem feito muito diagnóstico de pacientes abaixo dos 40 anos”, completou.

Conforme as recomendações da SBM, o autoexame deixou de ser indicado devido à incapacidade de detectar tumores de até um centímetro, e também por fazer com que as mulheres deixem de procurar atendimento médico e outros exames. Tumores menores que um centímetro, ou tumores não palpáveis, são detectáveis pela mamografia, que é um exame de raio-x da mama. Uma cartilha produzida pela SBM recomenda o autoexame apenas para que a mulher conheça o próprio corpo, com realização sete dias após a menstruação ou, para mulheres que não menstruam, sempre no mesmo dia do mês.

Mulher toca o lado do seio, próximo à axila, fazendo o autoexame
Mesmo nos casos em que a própria paciente descobre um nódulo, é mais provável que isso ocorra no banho ou ao trocar de roupa, explica o ginecologista Arthur Andrade

Fatores de risco para o câncer de mama

A pesquisa do Ipec revelou ainda que a maioria das mulheres entrevistadas desconhece fatores de risco que podem aumentar a chance de contrair câncer de mama: 58% de mulheres ignoram o excesso de peso como um fator de risco, e 74% não associam o consumo de bebidas alcoólicas com a probabilidade de adoecer de câncer. Outros fatores, segundo a SBM, são:

  • Sedentarismo;
  • Alimentação irregular;
  • Má qualidade de vida;
  • Cuidado com a saúde.

A herança genética, embora seja responsável por entre 5% e 10% dos casos desse tipo de câncer, foi associada à doença por 82% das entrevistadas.

Homens também podem contrair câncer de mama, mas é raro que isso ocorra. Segundo o Ministério da Saúde, as ocorrências em homens representam apenas 1% do total de casos da doença.

Ações do Outubro Rosa em Valadares

Em Governador Valadares, o curso de Enfermagem da Univale participa de ações do Outubro Rosa, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde. Neste sábado (8), de 8h ao meio-dia, acontecerá na Unidade de Saúde do Bairro Santa Rita com atividades como teste rápido para Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) e roda de conversa. 

O evento também faz menção ao Dia das Crianças (12/10), e por isso também haverá vacinação, distribuição de pipoca e algodão doce e pula-pula. Na última semana do mês, o curso estará presente na Caminhada Rosa, pelo centro da cidade.

“Outras ações que já estamos desenvolvendo são a participação em mutirões de coleta de exame Papanicolau, de câncer de colo do útero, exame clínico das mamas e solicitação de mamografia nas unidades de Saúde da Atenção Primária à Saúde nos bairros Jardim Pérola e Santa Rita”, acrescentou o professor Micael Alves dos Santos.

Você também pode se interessar por:

Univale
Univale
Cursos
Campus Armando Vieira

Rua Juiz de Paz José Lemos, 695 – Vila Bretas, CEP: 35030-260, Governador Valadares/MG
(33) 3279-5200
Campus Antônio Rodrigues Coelho

Rua Israel Pinheiro, 2000 – Universitário, CEP: 35020-220, Governador Valadares/MG (33) 3279-5500 
Outros endereços.
®Copyright 2000 – 2021 | Fundação Percival Farquhar (33) 3279-5515 / (33) 3279-5505 CNPJ: 20.611.810/0001-91
magnifiercrossmenuchevron-down Skip to content