As doações visam amenizar os impactos no sistema público de saúde do município.

A Fundação Percival Farquhar (FPF), mantenedora da Univale, Eteit e da Univale TV, anunciou na tarde da última sexta-feira, 20 de março, a doação de todo o seu estoque de luvas e máscaras para o Hospital Municipal de Governador Valadares. A ação visa ajudar o hospital a manter o seu estoque durante a pandemia do coronavírus (COVID –19), já que, de acordo com a previsão feita pela Prefeitura Municipal, nas próximas semanas a tendência é que aumente consideravelmente o número de pacientes no município.

Desde a última segunda-feira, 16, a Univale paralisou todas as atividades acadêmicas como medida preventiva do Coronavírus.  Grande parte do material doado seria usado pelos alunos dos cursos da área da saúde. Com a paralisação, todo material ficaria sem uso no almoxarifado até retorno das aulas, que até o momento não há previsão.

Para o Presidente da FPF, o médico Rômulo César Leite Coelho, a iniciativa prevê a diminuição dos impactos causados pelo vírus no município. “Como a Univale está com suas atividades interrompidas em função do COVID-19. Não estamos usando este material. Então, entendemos que seria muito mais útil essas luvas e mascaras serem doadas para o Hospital Municipal, onde servirão a comunidade, do que ficarem guardadas em nosso almoxarifado.  Nós sabemos que esses materiais farão muita falta para pessoas, pois o movimento no serviço público de saúde aumentará muito nos próximos dias”, disse.

A FPF é uma entidade civil filantrópica, sem fins lucrativos, pioneira no ensino superior na região de Governador Valadares. “Neste momento em que nossa comunidade passa por essa aflição, a Fundação não está fazendo mais do que cumprir a sua missão, exercendo sua função, que é de ajudar e cuidar da comunidade. Além disso, sabemos das dificuldades do sistema público de saúde. Se todos nós, cidadãos de Governador Valadares, pudermos ajudar, será de grande importância”, afirmou o presidente.

COVID-19 em Governador Valadares

Na tarde desta sexta-feira, 20, o prefeito André Merlo publicou o Decreto nº 11.126, que determina a suspensão de diversas atividades que menciona e estabelece medidas de enfrentamento da emergência em saúde pública decorrente do Coronavírus.

A partir desta segunda-feira, 23, fica determinado o fechamento do comércio da cidade, com exceção dos setores essenciais, supermercados, padarias, farmácias, açougues e postos de gasolina. O prefeito recomenda que a população faça isolamento social como uma das medidas mais eficazes no combate à pandemia.