Egressa de Enfermagem é aprovada em concurso do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo – Icesp

Beatriz Vilas Boas foi aprovada como Enfermeira de Pesquisa Clínica.

Por onde andam nossos egressos?” A resposta para essa pergunta sempre nos enche de orgulho, principalmente por saber que eles conseguem ir muito longe. E recentemente tivemos a alegria de acompanhar mais uma conquista da nossa ex-aluna de Enfermagem, a Beatriz Vilas Boas. Graduada em 2019, Beatriz foi aprovada no concurso do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo – Icesp, para atuar como enfermeira de pesquisa na área de oncologia.

egressa-de-enfermagem-formatura
Imagem: cedida por Beatriz Vilas Boas

Beatriz ficou sabendo do concurso pelo site vagas.com, onde foram disponibilizadas vagas da Fundação Faculdade de Medicina — FFM. Ela conta:

“Conclui minha especialização em Oncologia Multiprofissional no primeiro semestre de 2021 no Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein. Desde então eu vigiava as oportunidades que o Icesp postava. Em dezembro do mesmo ano a FFM publicou a vaga para Enfermeiro de Pesquisa Clínica, compartilhando também os requisitos necessários para o processo. Fiz um resumo sobre os temas que eles abordaram e realizei a prova. Dentre os 74 inscritos, fui selecionada e fiquei com o sétimo lugar nas nove vagas.”

Enquanto estudava aqui na Univale, Beatriz teve a oportunidade de realizar o estágio curricular no Ambulatório de Lesões, no período de abril de 2016 a dezembro de 2017. A professora Ana Germano, coordenadora do projeto de extensão, pôde acompanhar a aluna durante essa experiência e acredita que a vivência que ela teve aqui possibilita ao acadêmico o exercício da teoria aprendida em sala de aula.

egressa-de-enfermagem-estagio
Imagem: cedida por Beatriz Vilas Boas

Atendemos pacientes hipertensos, diabéticos, portadores de hanseníase e câncer. As ações comunitárias que realizamos, como uma prestação de serviço, são de extrema importância para o aluno, além de serem um acréscimo para a universidade. E essas habilidades técnicas, desenvolvidas aqui no ambulatório, são de grande aprendizado para a vivência dos futuros profissionais”, conta a professora Ana.

Já para Beatriz, a experiência no Ambulatório foi um divisor de águas. Ela conta que teve a oportunidade de aprender e crescer muito dentro da enfermagem. “Me apaixonei pela área, e a Ana Germano teve um papel fundamental como auxiliadora e profissional no meu processo de formação.”

egressa-de-enfermagem
Imagem: cedida por Beatriz Vilas Boas

As expectativas para a nova etapa na sua jornada profissional estão a todo vapor. A área da pesquisa é indispensável para a humanidade, assim como pudemos ver com o avanço do desenvolvimento das vacinas contra a Covid-19. O pesquisador tem a oportunidade de encontrar novas possibilidades dentro do seu campo de atuação e, a partir dos seus resultados, pode ampliar suas produções.

“Sempre gostei da área de oncologia e, estudando um pouco mais, entendi a importância do enfermeiro frente aos tratamentos. Essa área estuda as diversas mutações e alterações celulares no corpo, fazendo com que o profissional esteja sempre atualizado frente às novas tecnologias. E atuar como Enfermeira de Pesquisa Clínica é um sonho de vida realizado.”

Parabéns, Beatriz! Estamos muito orgulhosos de você.

Gostou? Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support